5 coisas que você não sabe sobre ukulele

5 coisas que você não sabe sobre ukulele (ou talvez não saiba)

Quem ama ukulele está sempre em busca de saber mais sobre o instrumento, ver curiosidades e aprender novas músicas, não é? Se esse é o seu caso, vai gostar de conhecer essas 5 coisas que você não sabe sobre ukulele ou, provavelmente, ainda não sabia.

1.      5 coisas que você não sabe sobre ukulelecoisas que você não sabe sobre ukulele: ele não vem do Havaí

O ukulele é um instrumento tipicamente havaiano e já há muitas décadas se tornou ícone da região, da música local, dos luaus e hula-hulas. Mas, sabia que o ukulele não tem origem no Havaí?

Na verdade, o ukulele foi criado em Portugal, inspirados em instrumentos musicais típicos da Ilha da Madeira e da região de Braga – o Braguinha, Rajão ou Machete.

Foi no século XIX, mais precisamente em 1879, que três marceneiros e luthiers portugueses (Miguel Nunes, Augusto Dias e José do Espírito Santo) embarcaram no SS Ravenscrag, um navio com destino ao Havaí, para trabalhar nas plantações de açúcar. Eles levaram o instrumento consigo e encantaram o povo havaiano com a sonoridade doce e, podemos dizer, praiana.

Em 1880, eles abriram em Honolulu suas primeiras luterias e começaram a fabricar e vender ukuleles para o povo local.

Ficou curioso? Leia mais sobre a história do ukulele.

2.      Não há um consenso sobre o que significa a palavra ‘ukulele’

A segunda entre as coisas que você sabe sobre ukulele tem a ver com o nome dele.

Embora não seja originalmente havaiano, a palavra ukulele foi criada por lá. No idioma local, ‘ Uku  com o ‘okina (o sinal de pontuação que parece um apóstrofo invertido) significa pulga. E lele significa pular.

O significado de ukulele, portanto, seria “pulga saltitante”, uma alusão à forma rápida de tocar, seja com os dedos ou com as mãos ao fazer a batida, parecendo pulgas pulando.

Mas a verdade é que não há um consenso sobre esse nome. Algumas pessoas dizem que ukulele significa “presente que veio de longe”, um nome que seria dado pela Rainha Lili’uokalani, do Havaí, em referência ao suposto presente dos portugueses, que viajaram tantos quilômetros pelo mar até chegar às costas do Havaí.

Existem ainda outras teorias sobre esse nome, mas essas são as mais conhecidas.

3.      Muitos artistas brasileiros tocam ukulele

Bom, já falamos aqui de Portugal, do Havaí e podemos dizer também que o ukulele é um instrumento muito disseminado nos EUA, sobretudo após a era do Jazz.

Mas, e no Brasil? Nos últimos anos, principalmente após o lançamento das músicas “Somewhere Over the Rainbow”, de Israel Kamakawiwo’ole, e “Elephant Gun”, do Beirut (que fez parte da trilha sonora da minissérie Capitu), o ukulele se popularizou muito aqui no país.

Muitos músicos brasileiros utilizam o instrumento em suas composições, como é o caso de Marisa Monte, em “Universo ao meu Redor” e A Banda Mais Bonita da Cidade, na canção “Oração”.

Mas além deles, diversos artistas tocam ukulele, como Lulu Santos, Zeca Baleiro, Clarice Falcão e Emicida.

Também é interessante dizer que o Brasil temos os ukulelistas Thiago Luiz que compôs o álbum de ukulele instrumental chamado Origens e João Tostes que também compôs músicas e criou seu álbum instrumental de ukulele.

Aproveitando… que tal aprender a tocar a música “Lenha”, do Zeca Baleiro, no ukulele? Olha só um tutorial completo e fácil, com apenas três acordes, para você:

4.      Não são só os músicos que se arriscam no ukulele

O ukulele, como você já deve saber, é um instrumento gostoso de tocar e qualquer pessoa pode aprender, seguindo um curso ou as dicas de professores experientes.

Isso faz com que existam muitos e muitos ukulelistas amadores, mas o que você não sabia é que alguns deles são bastante curiosos ou, no mínimo, improváveis.

O astronauta Neil Armstrong (sim, o primeiro ser humano a pisar na Lua, em 1969) era um amante de ukulele.

Aqui no Brasil, talvez você não imagine também que a atriz Carolina Dieckmann toca ukulele muito bem e, inclusive, já apareceu em diversos programas de TV cantando e tocando o instrumento.

5.      Existe um clube do ukulele no Brasil

Agora vamos para a última das 5 coisas que você não sabe sobre ukulele.

Existem milhares e milhares de ukulelistas e amantes do instrumento no Brasil. E nada melhor do que poder trocar experiências e dúvidas com quem tem os mesmos interesses que a gente, não é mesmo?

Foi pensando nisso que a escola Como Tocar Ukulele criou o Clube do Ukulele. Esta é a maior comunidade de ukulele do país e reúne alunos, professores, músicos e entusiastas.

Todos que participam ganham acesso a todos os cursos da escola, com uma metodologia única, mas também a materiais didáticos exclusivos, lives, sorteios, saraus e outras atividades. Assim, é possível compartilhar conhecimento com muito mais pessoas e tocar o instrumento deixa de ser algo solitário.

Gostou da ideia? Então, entre também para o Clube do Ukulele! Ao acessar o link, você poderá entender melhor como funciona, quais os benefícios e como fazer parte.

Clube do Ukulele
Qual ukulele comprar
Conheça o nosso Clube do Ukulele, a nossa plataforma com tudo o que você precisa pra tocar ukulele do iniciante ao avançado: https://clubedoukulele.com
clube do ukulele ebook
clube do ukulele ebook
Clube do Ukulele

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima